POSICIONAMENTO SOBRE A DECISÃO Nº 02/2018 DA COMISSÃO REGIONAL DE JUSTIÇA


“Ora, o próprio Deus da paz vos dê paz sempre e de toda maneira. O Senhor seja com todos vós” 2Ts 3:16


Recebemos a Decisão CRJ-3ª Nº 02/2018 da Comissão Regional de Justiça. Trata-se de um questionamento dos trâmites de credenciamento como aspirantes ao presbiterado do Sr. Alexandre Tavares Alves dos Santos, Sr. Gabriel Prado Ramos, Sr. Jason de Oliveira Ruiz Junior, Sr. Júlio Cesar Hora de Oliveira, Sra. Nancy Otília de Castro Miúdo e Sr. Thiago Marques de Oliveira.


Como Bispo Presidente da Terceira Região Eclesiástica e em vistas ao cuidado pastoral com as pessoas envolvidas, acatamos a decisão dos amados irmãos e irmã da comissão e agradecemos a Deus por sua vida e dedicação. De igual modo acolhemos em nossas orações o requerente, irmão Lucas Lima Escobar Bueno.


Nossa palavra às Igrejas que estão envolvidas neste processo é de tranquilidade para continuarem firmes nos trabalhos de suas comunidades e aos irmãos e irmã diretamente afetados, também damos nosso direcionamento de calma e paciência, pois todos os trâmites serão seguidos, pois estamos buscando a solução mais adequada visando o bem comum da Igreja.


A decisão traz inquietações a quem está envolvido. Diante disso, é importante mantermos a nossa unidade como corpo de Cristo, e o espírito de amor e cooperação uns/umas para com os/as outros/as para o bom andamento da Igreja.


Aos irmãos e irmã Alexandre Tavares Alves dos Santos, Gabriel Prado Ramos, Jason de Oliveira Ruiz Junior, Júlio Cesar Hora de Oliveira, Nancy Otília de Castro Miúdo e Thiago Marques de Oliveira afirmamos que não há nada que desabone suas vidas pessoais e ministeriais, tendo o reconhecimento do carisma ministerial de cada um, reconhecemos os dons do Espírito concedidos a cada um e uma, seu amor pela missão da Igreja Metodista e seu chamado para atuar no corpo de Cristo, exercendo sua vocação pastoral.


Há que se considerar ainda, a nomeação do irmão Edison Pinto de Araújo, como aspirante ao Presbiterato na Igreja Metodista em Cubatão, que se encontra na mesma situação dos irmãos e irmã mencionados acima, razão pela qual, em nosso entendimento, o parecer também se estende a ele.


Às Igrejas de Elisa Maria, Jardim Colorado, Parque Manchester, São Sebastião, Jardim Bonfiglioli, Caraguatatuba e Cubatão, expressamos nosso afeto, e pedido de tranquilidade diante deste momento, uma vez que essa situação se resolverá o mais breve possível, pois os irmãos e irmã irão permanecer designados como Missionários e Missionária para as respectivas igrejas onde foram nomeados.


Desejamos que nossas comunidades continuem com o mesmo vigor missionário, pois não haverá nenhum grande impacto na sua vida cotidiana. Como a igreja de Atos dos Apóstolos, perseverem unânimes na doutrina e na comunhão, no partir do pão, e nas orações. Estejam juntos e juntas, perseverando em unidade. Louvem a Deus, pois com isso contaremos com a simpatia de todo povo e o Senhor, dia a dia, acrescentará os que forem salvos (cf. At 2.42-47)


Finalizando, convido toda a Igreja para nos apresentarmos diante do Senhor em favor dos irmãos/ã e as igrejas mencionadas para o Senhor direcione todo o trabalho missionário e pastoral no sentido de que a Sua vontade soberana se realize em toda a Igreja Metodista, especialmente na Terceira Região Eclesiástica.


Com estima Pastoral.

 

São Paulo, 26 de março de 2018.

José Carlos Peres

Bispo-Presidente da 3ª RE

#Nomeação

Post em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square